27cc de mau humor bidestilado intravenoso

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Et Coetera

:::neste dia:::

Neste dia volto ao dândi
Respiro campos elíseos
Enquanto caço Renatas
Paz de galgar vermelho

Neste dia subo ao trono
Quase me sinto primeiro
Enquanto me remeto
Mão esquerda no peito

Neste dia sem Leonor
Quero alma pr'espremer
Doença já não me dá

Rabearia num cometa
Mas se meu grito for cego
Me mato ao som de Iggy Pop

3 comentários:

Renata Pace disse...

Nhai *__* adoreei o poema Guxtaaavo,lindo, lindo. presentão, hein?
"me mato ao som de Iggy Pop", hahah, fodaa! um dia eu aprendo a escrever que nem você :)

Anônimo disse...

Repara como nossa escrita é ansiosa?
Ai, meu Deus! Essa sua mudernice arcaica inda te mata. Mata gente também.

**Bah** disse...

ahhhh muito foda ! quero um desse no meu aniversario tambem ! to com invejinha uhuhahusauhshuauhsuha